Minha vida de corredor - Eduardo Hanada - 01


2a. Meia maratona de Balneário Camboriú

2a. Meia maratona de Balneário Camboriú

Fotos da Corrida

Resultado

Corrida fora de casa tem que acordar bem cedo. Graças a ajuda do nosso amigo Eduardo Legal não precisei ir para Balneário Camboriú na véspera somente para retirar o kit. É muito chato não poder retirá-lo no dia da prova para quem é de fora. Não são todos que tem disponibilidade de tempo e recurso para ir um dia antes.

Cinco horas da manhã estava saindo rumo a Balneário Camboriú, ainda tudo escuro. Viagem tranquila e chegada bem cedo para poder estacionar mais próximo da largada.

A prova teve a distância de 5 Km e a da meia maratona com largadas diferenciadas. A largada da meia maratona ocorreu às 7:30 e da prova de 5 Km às 8:30. Isso facilita um pouco, pois não há grande concentração na largada.

Consciente da dificuldade do percurso o meu objetivo era melhorar o tempo em relação ao ano passado, que tinha sido de 1h48min42s, sob uma forte chuva e um enorme sacrifício. Recorde pessoal na meia maratona seria muito difícil.

A largada foi na praça central de Balneário Camboriú pela Av Atlântica. Inicialmente seguimos no sentido do Park Unipraias. Até lá foram aproximadamente 4 Km. Um percurso todo plano pela beira mar. Apesar de ter que correr inicialmente pela calçada para evitar o congestionamento por causa da avenida estreita, consegui desenvolver um bom ritmo, na sequência: 4:38 / 4:35 / 4:39 / 4:36. Como estava com a boca muito seca me hidratei logo no 3º Km.

Fizemos o retorno e passaríamos novamente pela praça central. O ritmo como era de se esperar caiu um pouco, mas ainda dentro do esperado: 4:39 / 4:41 / 4:43 / 4:44. Passando pela praça pudemos contar com o apoio dos amigos que assistiam e registravam a nossa passagem. Tivemos até um incentivo a mais do Vanderlei Cordeiro de Lima, medalhista nas olimpíadas de Atenas.

Agora seguíamos no sentido de Itajaí com mais 2 Km no plano. O ritmo se manteve: 4:43 e 4:41. Até aí tudo bem e dentro da normalidade. Mas como era sabido, chegou a tão temida estrada da Rainha, com um morro quase impossível de ser vencido correndo. Eu já sabendo disso tinha como estratégia utilizar essas subidas para me hidratar e tomar o gel de carboidrato (gentilmente cedido pelo nosso amigo Enio). Mesmo andando não fiquei muito para trás do pessoal que passava por mim correndo. E me aproximei novamente depois que terminou o morro. O pace nesse 11º Km foi para 6:02. Nada mal, considerando as condições.

Aí me meti a pegar uma garrafa de isotônico que só me atrapalhou. Como estava voltando ao meu ritmo mais forte anterior não estava conseguindo beber. Mais caía pra fora da boca que bebia. Tive que abandonar a garrafa quase cheia um pouco mais à frente. Retornando ao terreno mais ou menos plano fiz os paces 4:42 / 4:43 / 4:47 no 12º, 13º e 14º Km, respectivamente.

A partir do 15º Km não consegui mais sustentar o ritmo. O gás estava acabando e ainda faltava um terço do percurso. O esforço era grande mas nos quilômetros que se seguiram mal consegui manter o pace de 5 min/Km: 4:58 / 4:59 / 5:03 / 4:59. No 19º Km veio o retorno do tão temido morro e novamente usei parte dele para descansar e me hidratar. É muito cruel encarar essa adversidade a essa altura da corrida, mas é igual pra todo mundo e superamos. O pace ficou em 6:09 nesse quilômetro.

Agora faltava pouco mais de 2 Km. A subida anterior foi tão forte que para descer foi um sacrifício ter que ir freando. Haja joelho. Passado esse trecho ganharíamos novamente a beira mar plana. Pude gastar as minhas últimas reservas fazendo algumas últimas ultrapassagens e me distanciando de alguns atletas que vieram me acompanhando desde o início. O 20º Km fiz um incrível pace de 4:35 a essa altura, seguido de 4:43 no 21º Km.

Com mais uns 200 metros cruzei a linha de chegada, registrando um tempo líquido de 1h43min29s. Pra mim um excelente resultado com pouco menos de 1 minuto de diferença para o meu melhor tempo de 1h42min38s da última meia maratona internacional de Florianópolis. Porém, foram mais de 5 minutos em relação ao ano anterior.

Na chegada tivemos muita fartura de água, isotônicos, salgadinhos, frutas, como eu nunca tinha visto em uma corrida antes. Muito bom. Mais uma meia maratona na conta.

Percurso

Largada, do lado errado pra variar

Completando os primeiros 8 Km

Cruzando a linha de chegada: 1h43min29s

Medalhas na mão: até a filhinha do Eduardo Legal

Local: Balneário Camboriu / SC

Horário: 7:30 Hs 
Distância: 21,1 Km (21,2 Km) 

Inscrição: R$ 50,00 
Kit: Sacola, camiseta, revistas, número do peito e chip descartável   

Tempo: 1h43min29s
Pace: 4:53 min/Km

Colocação: 20 de 49 (categoria 40-44 anos) 
Colocação: 137
de 318 (masculino) 
Colocação: 143
de 391 (geral)



Escrito por Eduardo Hanada às 20h12
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]


[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]


 
Histórico
    Outros sites
      Minha vida de Corredor (www.ehanada.zip.net)
      Corridas em Santa Catarina
      Acorsul
      Acorsj
      Ativo
      Fotos Foco Radical
      Fotos Trilhas BR
      Cronoserv
      Chiptiming
      Corville
      Blog Dyego de Campos
      Blog Diego da Costa
      Blog Egomar
      Blog Fabio Namiuti
      Blog Renato Ventura
      Blog Sebastião Santos
      Blog do Totó
      Blog Guilherme Preto
      Blog Enio Augusto
      Erunner
      Calculos e Indices
      Track and Field eventos
      BOL - E-mail grátis
    Votação
      Dê uma nota para meu blog